Travessia Saco das Bananas – Ubatuba/SP

Hola Mochileiros …

No ultimo feriadinho, depois de desmarcar umas 3 montanhas fomos para um local que ja estava nos planos a tempos, fizemos a Travessia do Saco das Bananas em Ubatuba; no meu ponto de vista foi a melhor escolha, pois estávamos marcando algumas montanhas e pelo q notei eu não tem condicionamento fisio nenhum pra fazer a travessia que estávamos planejando … vai ficar tudo para ano que vem mesmo …

https://i2.wp.com/www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20120720094037.png?w=700
A trilha se inicia na Praia de Maranduba, um pouco antes de chegar a praia de maranduba você vai avistar uma placa na estrada escrito Praia da Caçandoca, desse ponte você tem duas opções, se estiver com um carro alto pode ir ate a Praia da Caçandoca e deixar o carro lá e começar a trilha, ou pode deixar o carro numa peixaria logo no início da estradinha de terra, lembrando que vai caminhar bastante até a Praia da Caçandoca, as duas opções são validas sendo que na segunda você terá q caminhar ate onde o carro está, então será necessário caminhar pela estradinha de Terra.

Fizemos a trilha em 5 pessoas, da esquerda pra direita Lucas Concheto, Renan Rosa, Eu, Mizael Mizareta, Thiago Rosa
https://i2.wp.com/www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20120720094837.jpg?w=700

Caminhando pela estradinha de terra (aprox. 4,5 km até a praia da caçandoca), você chegará a uma placa escrito Praia da Caçando e uma seta >>>, neste ponto há a possibilidade de ir por dentro do condominio e economizando quase 40 min. (por informações que recebi), mas nos fomos pela estradinha de terra mesmo, chegando a Praia da Caçandoca, você avista uma tenda de palha de umas tiazinhas que vendem um açaí com umas frutas q eles plantam delicioso, e uns artezanatos com folha de alguma coisa, muito lindos também, a praia em sí é bem charmosa mas não me encantou muito, pois pelo facil acesso tinha um numero lega de pessoas.
dica: nao precisa levar agua pela estrada de terra pois existe milhoes de bicas na praia da caçandoca

https://i1.wp.com/www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20120720095306.jpg?w=700
Praia da Caçandoca – Ubatuba

Para se ir para a Praia da Caçandoquinha , é so voltar um pouco pela trilha que chegou na praia e pegar a bifurcação, e seguir ela trilinha, não tem muito dificuldade, a Praia da Caçandoquinha já é mais deserta não paramos muito e seguimos para a trilha que iria ao nosso destino de pernoite Praia do Simão (ou Praia Brava) … ai começa a tortura (pra quem é fraco e sem condicionamento como eu), a trilha se inicia no final da praia de um lado que tem uma pontezinha (é bem aberta), neste ponto erramos a entrada e pegamos uma trilha que vai para o costão, se você tiver tempo passa lá pois é lindo, voltando toda a trilha até a praia, pegamos a trilha certa e então começa a verdadeira trilha, são aproximadamente 180 metros de subida (não é muito ;), só que você sobe e desce ele umas 1 milhão de vezes, no começo td bem, mas vai chegando uma hora que Staff, nós estávamos sem comer ainda, então chegou um ponto que paramos para bater um pratinho no meio da trilha mesmo … chegou um morador local com uma moça (os dois bebados), e ela ficava chorando falando q ele batia nela, e ele nos oferecendo pinga, foi uma situação um pouco chata =/ …

https://i1.wp.com/www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20120720100015.jpg?w=700
almoço básico …

Existe alguns trechos que podem confundir eu coloquei no arquivo do GPS uma bandeirinha vermelha nas bifurcações, não vou nem tentar descrever quais foram as direções pois não prestei muita atenção, só queria que chegasse logo, mas me lembro que quando se chega na escola abandonada se da a volta por trás dela e segue sempre beirando a cerca (sem entrar na propriedade particular), creio que se entar na propriedade particular deve se ir para a Praia do Saco das Bananas( assim que descreveram para nós) …
São aproximadamente 9,0 km da praia da caçandoquinha até a praia do simão, com algumas subidas um pouquinho ingrimes, mas enfim, ao chegar na Praia do Simão bateu a tristeza, tinha umas 15 a 20 barracas lá, é que se você vier de caraguá para ubatuba a trilha tem só uns 3 a 4 km, então o acesos fica “facil”, mas a praia tem seus encantos, no meio da praia existe uma bica enorme que é otima para tomar banho, dos dois lados da praia existe uns corregos que dá para pegar água, e existe apenas uma casa no centro da praia, que é de onde parte a trilha para divisa de caraguá com ubatuba que é o ponto final da trilha, após passar a trilha do simão a trilha tem umas 3 subidas não tao ingrimes quando a que chega na praia, mas boa parte dos 7 km até divisa de ubatuba e caragua (onde se pega o onbibus para voltar) é extrada de terra com uma inclinação média … passando por um mirante que da para avistar as Praias da Lagoa, Praia da Ponta Aguda, e Praia da Figueira, um morador local nos indicou que tem come ir pela trilha indo pelas praias, mas como não tinhamos mais tempo e estavamos bemmmm cançados, fomos pela estrada de terra mesmo … no final existe um mercadinho caso queira comer alguma coisa …

https://i2.wp.com/www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20120720102649.JPG?w=700
Praia da Simão

https://i2.wp.com/www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20120720102827.JPG?w=700
Bica de agua para banho ;D

https://i0.wp.com/www.mochileiros.com/upload/galeria/fotos/20120720103029.jpg?w=700
Mirantezinho na parte final da trilha

dica:
– a trilha tem muitos pontos de agua não é necessário levar muito peso como nos fizemos.
– eu aconselho a fazer a trilha sentido ubatuba >>> caragua que foi como fizemos, pois tinha umas descidas tao ingrimes que doiam o joelho, e subir isso nao deve ser muito divertido.
– a máre sobe bastante não acampe na areia da praia.

E assim foi mais uma trip ;]
Fiquem com Deus …

Tracklog da trip: Travessia Saco das Bananas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *